Conta de luz atrasada pode ser paga em até 24 vezes e com desconto de até 50%

Conta de luz atrasada pode ser paga em até 24 vezes e com desconto de até 50%

A Energisa está oferecendo condições facilitadas de pagamento com a nova campanha de negociação da empresa. As opções da distribuidora já contribuíram, desde 2020, para 1,2 milhão de pessoas colocarem as contas de energia em dia.
 
A coordenadora de recebíveis, Maria Alice Antunes, frisa que a empresa está aberta a encontrar a melhor solução em parceria com o cliente. “O número de negociações mostra que as soluções estão dando resultado e o cliente está conseguindo reorganizar os débitos de energia”, afirma.
 
Entre as condições de negociação está o parcelamento em até 24 vezes. Os clientes também podem optar por pagar as contas de energia no cartão de crédito. “Uma das grandes vantagens é acessibilidade e flexibilidade, com parcelamentos que cabem no bolso dos clientes. Tudo pelo WhatsApp Gisa ou outros canais já conhecidos do Grupo”, explica.
 
Além disto, os clientes que optarem pelo pagamento à vista, terão isenção de 100% em juros de mora, multa e correção monetária. Nesta condição a redução pode chegar até 50% do valor pendente.

As facilidades de negociação já estão valendo para todos os clientes. Interessados que estejam com contas em atraso podem entrar em contato pelos canais digitais de atendimento, sem precisar sair de casa. É preciso ter em mãos os documentos pessoais (CPF e RG).
 
Como negociar

Para agilizar o processo de negociação, o cliente pode acessar o link que dá acesso direto à GISA, em seguida escolhe o estado e a opção ‘Parcelamento’.

Se preferir, o cliente também pode negociar seus débitos pelo site. Para tanto, basta acessar a Agência Virtual, realizar o cadastro e selecionar a opção ‘Negociar Dívida’. Já no APP Energisa On, é só clicar no ícone Parcelamento.

Canais Energisa

Aplicativo Energisa On (disponível no Google Play ou App Store do celular)    
Site: energisa.com.br      
WhatsApp (Gisa): www.gisa.energisa.com.br
Call Center: 0800 646 4196.

Fonte: Portal LeiaAgora.