China aumenta em quase 30% a importação de carne bovina de MT

China aumenta em quase 30% a importação de carne bovina de MT

A China, somada a Hong Kong, segue liderando o ranking de maior importador de carne bovina mato-grossense. As compras da proteína registraram um incremento de 27,57% no acumulado de janeiro a setembro de 2022, ante o mesmo período do ano passado.

Os dados são do boletim do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) divulgado nesta semana. Conforme a publicação, no acumulado deste ano foram embarcadas 280,88 mil toneladas em equivalente carcaça (TEC) de Mato Grosso, ante a 220,17 mil TEC do mesmo período de 2021.

Além da Ásia, os países do Oriente Médio, como o Egito e os Emirados Árabes Unidos, também aumentaram suas compras. Os acréscimos registrados foram de 122,48% e 108,69%, respectivamente, no período.

Já a Rússia diminuiu suas compras em 11,2% no comparativo anual. O cenário foi pautado pela barreira imposta nas compras de carnes oriundas de animais mais velhos, acima de 30 meses de idade, a partir de setembro do ano passado. A decisão da Rússia de suspender as restrições ocorreu em setembro deste ano, quando o país retornou às compras.

Fonte:LeiaAgora.